6.10.21

Crônica diária

 Um isolamento global

 

 A tecnologia e nossa dependência dela, é cada dia mais gritante. Meu pai era médico e um homem muito discreto e de hábitos muito simples. Nunca usou água quente para fazer a barba, que fazia todo dia, para não sentir falta dela, quando não tivesse. Conto este detalhe para ilustrar a que ponto era prevenido. E fui educado com esses princípios. E ele tinha razão. Lembrei de suas palavras esta semana quando houve uma pane mundial do Facebook, Instagram e WhatsApp. Depois do meio dia, da segunda feira passada, pensei que eu tivesse sido bloqueado. Imaginei que a dificuldade de acessar a minha página fosse um problema individual. E não era. Um dia antes fiquei sem energia no prédio onde moro, em São Paulo, por conta da troca de poste e transformador na rua. Das onze às 18 horas sem luz, elevador, TV, ar condicionado, micro ondas, etc... O caos. E foi a segunda vez num mês. Da primeira enfrentei a subida dos sete andares pela escada. Mal iluminada a escalada quase me matou do coração. O homem urbano, e civilizado, virou um escravo da tecnologia. Já não conseguimos sobreviver sem ela. Perder contato com meus 7500 amigos do Facebook, ou do WhatsApp foi uma tortura. Tive a impressão de que era ainda pior do que o distanciamento social imposto pela pandemia. Este do Facebook era global. Como poderia ficar sem me comunicar e receber notícias e fotos da Islândia, onde esta meu filho? O fim do mundo. E eu estava em São Paulo, não no Afeganistão.

 

Nenhum comentário:

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )