15.3.18

Crônica diária

Ponto de observação da Piacaba

Tomo emprestado o título do livro da Betty Vidigal para esta crônica sobre meu deck, um verdadeiro posto de observação em minha casa. Piacaba é o nome dela, não por acaso, quer dizer em tupi-guarani "Mirante, miradouro, lugar que se avista". Tenho lá uma poltrona de madeira muito confortável. Em dois momentos do dia esse posto de observação pode conferir, pela manhã a revoada dos pássaros de cor escura, e os de penas brancas, que não se misturam e voam em bandos, muito numerosos, ou em pequenos grupos, chegando a voarem em dupla. Saem da Ilha do Batuta, no mar em frente de casa, para a lagoa de Ibiraquera onde vão passar o dia comendo, posando para fotos de turistas e bebendo água salobra da lagoa. Dormem na ilha, que é um ninhal. Lugar seguro, livre de predadores, mas sem água ou alimento. As sete da manhã pode-se ver milhares de pássaros escuros em altura de voo semelhante, fazendo suas formações ora em flecha ora em linhas tortuosas, e subitamente em flecha de novo. Alternadamente, como se tivessem combinado, em altitude menor, vem os bandos de milhares de pássaros brancos. Saem da pequena ilha e vão buscar lugar na vasta lagoa. Esse balé se repete às seis da tarde. Em sentido contrário. Da lagoa onde passaram o dia, para a ilha. Novamente o voo dos escuros é mais alto, e seu número é maior. Flechas, linhas, círculos mal feitos, uma aparente desorientação e voltam a formar as flechas, parecendo obedecerem uma voz de comando único. Numa altura inferior, voltam pra ilha os brancos sempre em número suficiente para formações cheias de graça. De quando em quando, no por do sol e contra um céu laranja avermelhado, uma dupla voa em sentido contrário. Parecem procurar por alguém, ou fiscalizar algum retardatário. Logo se vê eles de volta em alturas e bater de asas diferente. Essa rotina se repete todos os dias, faça sol ou esteja chovendo. Na Piacaba tenho um deck que é meu posto de observação.

Um comentário:

João Menéres disse...

Quem me dera desfrutar de um posto assim !

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )