12.2.18

Crônica diária

Bengalas



Elas são úteis e necessárias em muitos casos. Mas antes de que pudessem servir para alguma coisa eu vinha comprando e colecionando. Nada de bengalas caras com castão de prata ou marfim, cabeça de animal ou ave. Comprei bengalas de madeira em várias ocasiões e viagens. Em casa, em São Paulo tenho um porta guarda-chuvas de cerâmica assinado pela amiga ceramista Lucia Ramenzoni, e nele além dos guarda-chuvas estão algumas bengalas. A maioria, porém, fica num velho latão de leite enferrujado na casa da praia. Muita gente já fez uso delas. Servem como apoio para longas caminhadas, e ajudam nas ladeiras, para cima ou para baixo. Para uso ortopédico hoje recomendam as metálicas, mas leves e seguras. Umas têm quatro pés, guarnecidos com borracha, uma haste central regulável, apoio para as mãos e encosto para o antebraço. Esteticamente não são bonitas nem elegantes como as bengalas da minha coleção, e por isso, coleciono as antigas. 

2 comentários:

João Menéres disse...

Mas para quem vier a necessitar de uma bengala pelo fraquejar no andar, essas com quatro pés são notoriamente as mais aconselháveis...

Jorge Pinheiro disse...

Com o tempo todos vamos precisar.

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )