6.1.18

Crônica diária



Leitura de fim de ano: Lydia Davis

Dia 29 de dezembro passado foi uma sexta feira véspera do dia 30, como sempre, e um sábado, ultimo do ano. São Paulo com cara de domingo, em mês de férias. Uma delícia. Com chuva, claro, nessa época não falta. Chuva leve, aquela que molha trouxa. Fui de carro até a livraria Zaccara e estava fechada. Desci e fui espiar a vitrine. Um livro chamou-me atenção. Lydia Davis, "Nem vem". E a capa não tem nada de especial. Um desenho discreto de uma escada de cinco degraus. Ficções. Voltei para casa e fui a pé, apesar da garoa, até a Livraria da Vila. Fica à poucos metros de casa. Não encontrei o livro do Philip Roth que procurava. Comprei o livro da Lydia. Na contra capa li: "...a escritora inaugurou um gênero absolutamente inclassificável, marcado por inteligência, humor e uma boa dose de estranheza". Na orelha ainda li que seus textos tem inadequações, humor, idiossincrasias. E conta que a autora deixou de receber um prêmio literário por ser considerada "preguiçosa". Ela explica que o que queriam dizer com "preguiçosa" é que ela é econômica. O título do livro: "Nem vem"  é parte abreviada da expressão "Nem vem que não tem". Minha mulher usa muito essa expressão. Eu detesto. Mas acho que vou adorar o livro.

Nenhum comentário:

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )