9.3.17

Crônica diária

Haruki Murakami, capa dura

Todos meus leitores sabem o quanto gosto do Murakami. Pensava já ter lido tudo que escreveu. Sobre o que li dele, também, resenhei elogiando. Sou fã. No fim do carnaval comecei a ler "Ouça a canção do vento" e "Pinball1973", suas duas primeiras novelas publicadas em 1979 e 1980 respectivamente, e em 2016 pela Alfagura, juntas as duas num livro capa dura. Uma edição caprichada. Colorida. E aqui começo meus comentários sobre essa obra. Não gosto de ler livros com capa dura. São desconfortáveis no manuseio. Não se deixam envolver. Não são objetos intimistas como os brochura. Parecem mulher de espartilho. Desagradável de serem abraçadas. E mesmo os brochura têm que ter o tamanho 14 X 21 centímetros. Os menores, chamados de bolso, geralmente têm fontes miúdas. Os livros maiores não cabem na palma da mão como os 14 X 21cm. Mas, por outro lado, esta edição traz um depoimento do autor que é uma verdadeira aula de literatura. Quem gosta de ler e de escrever não pode deixar de conhecer esse texto intitulado: "A origem dos romances na mesa da cozinha, - Um prefácio para duas pequenas novelas." Já vale pelo livro. Por enquanto só faço mais uma observação, depois voltarei em outras crônicas comentar as novelas. Curiosamente tenho um conto escrito há dois ou três anos chamado "18 dias". Tem até capa pronta para ser publicado um dia. Não é que no segundo capítulo de "Ouça a canção do vento" tem uma única e seguinte frase: " Esta história começa no dia 8 de agosto de 1970 e termina dezoito dias depois, ou seja, em 26 de agosto do mesmo ano." (Página 26). O meu, ou o dele, poderiam ter 16 ou 19 dias. Mas ambos tem dezoito. Curioso, não é?

Nenhum comentário:

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )