14.12.16

Crônica diária

 Finalmente Fidel

Eu precisava completar a quinta citação ao Fidel Castro em toda minha vida. Morreu no sábado 26/11/2016 e só hoje vou ter tempo para tratar desse personagem por quem nunca tive nenhuma estima. Nem nos meus verdes anos, quando um dos meus heróis era o Che (1964). O Fidel foi citado por mim, procurei saber nos arquivos dos blogs quatro vezes. Esta será a quinta, e muito provavelmente a ultima, a não ser que o Lula morra um dia desses e eu tenha que me referir ao encontro que terão no inferno. As quatro citações são curiosas. A primeira em 6/12/2006 falo sobre uma nova série de esculturas que estava iniciando e o título era: "ORGANO HUMANOS ou ORGÃOS HUMANOS ou HUMANOS ENGANOS Sob esse titulo, que mais parece discurso do Fidel Castro (repetitivo e longo), em 2000 iniciei uma série de ESCULTURAS..." A segunda em 30/05/2007 Fidel é citado por mim, por ter sido retratado por Bernard Safran, pintor de gente, capas da revista TIME, de cenas urbanas de NYC, e rurais do interior da AMÉRICA. Retratista e fotógrafo.
 A terceira em 29/04/2014 numa das minhas crônicas "Paquetá já não é mais Cuba"
onde digo que o Humberto Werneck escreveu que o Nelson Rodrigues quando queria reduzir a nada o regime do Fidel Castro, fulminava: "Cuba é uma Paquetá". Passados mais de cinquenta anos Paquetá já não é mais Cuba. Compara-la, hoje a Cuba, seria um escárnio."
A quarta e ultima vez, agora em 28/04/, quando citei a amizade do Lula e Fernando de Morais com Fidel, a propósito de uma viagem de Navio onde eu teria, e por grande sorte, não tive, o desprazer de ter o Fernando à bordo. Ele na ultima hora apresentou um atestado médico e não participou do Navegar é Preciso na sua 6º edição. Dilma acabava de ser impinchada. A esquerda estava arrasada.Como podem depreender desse breve histórico dos meus escritos sobre o falastrão ditador, ele para mim não teve nenhuma importância, a não ser meus sentimentos de profunda pena do povo cubano e de seus admiradores. Lamento por exemplo que minha querida amiga Ítala Nandi tivesse estado em Cuba, e  elogiasse Castro. Mas isso é coisa do passado. Finalmente Fidel morreu, depois de mais de 500 tentativas frustradas, sabe-se lá do que. Dele o Mundo esta livre. Falta agora livrar seu povo da miséria que os 45 anos de poder não os livrou.

2 comentários:

Li Ferreira Nhan disse...

Adorei a crônica! A idéia de ir aos arquivos do Varal p/ checar as citacoes ao ditador deu uma deliciosa leitura.

Aguardo a 6° citação.

João Menéres disse...

Nunca desejei a morte de ninguém.
Mas desejo que muitos nunca tivessem vindo a este mundo.

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )