5.9.16

Crônica diária



Réu confesso

Réu confesso só existe na teoria. O réu só confessa na porrada. E depois desmente e exige exame de corpo de delito. Nega tudo. De réu vira vítima. Não foi diferente no caso do escroto nadador americano. Para esconder o mal feito da namorada criou um caso de polícia falso, e um mal estar diplomático de dimensões olímpicas. Até o Delfim Neto nega que tenha recebido dinheiro sujo da Odebrecht. Confirma que recebeu dinheiro vivo por conta de assessoria sem nenhum contrato ou recibo. Ok, acreditamos. Por que duvidar do Gordo, se a fonte pagadora, Odebrecht é uma empresa inidônea? E tem mais, como saber a origem do dinheiro? Sempre supomos que seja da casa da moeda. Às vezes é dos roubos da Petrobras, mas aí, como saber? Nem  Dilma nem  Lula nunca souberam de nada.

Um comentário:

João Menéres disse...

Mesmo com porrada da grossa, jamais eu poderia dizer :
Sim, estou implicado !

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )