8.1.16

Crônica diária

Memórias

Antes de ontem falei do químico Callia, criador de fragrâncias conhecidas, como as colônias e sabonetes da Rastro, do velho e saudoso amigo e artista plástico Aparício Basílio da Silva. Seu irmão, e industrial, é meu vizinho de prédio. O Aparício e muitas outras figuras incríveis conheci na casa da Guaracy Mirgalowska. Lá frequentava a nata da intelectualidade da época. Thomaz Souto Correa com quem a Guaracy era casada, diretor da Revista Claudia, da Editora Abril, era amigo de jornalistas, escritores, cineastas, artistas de teatro e TV, além de modelos e fotógrafos famosos. Quem não era artista ou boêmio como Américo Marques da Costa e frequentava, na ocasião, era o Zezinho Kalil, banqueiro. A Glorinha, com quem casou, era jornalista. Atílio e Gregório que criaram a famosa Larmod geralmente iam para a cozinha, e foi lá que aprendi a fazer (e comer) um delicioso ovo mexido, em banho Maria. Inácio Loyola, hoje escritor consagrado, era da equipe da Claudia. Não sei como, mas meu ex colega de Cataguases, José Roberto Noronha, que fazia cinema (desenhos animados), um dia apareceu por lá e foi nosso último encontro. Morreu precocemente num desastre de automóvel. Sua filha (que nunca conheci) é amiga da minha nora. Lídia Chames, Wesley Duke Lee, Lenita e Olivier Perroy, Maciej Babinski, Karim Rodrigues, Silvia e Luiz Carta, Zé Antônio, Roger Bester, Otto Stupakoff, e dezena de outras pessoas interessantíssimas eram da casa. Tenho muita saudade dessa época e dessa gente.

3 comentários:

Li Ferreira Nhan disse...

Caramba Edu... Com esse time fantástico, repleto de muito bom gosto, cultura e ótima educação, os encontros deveriam ser mesmo inesquecíveis!!! Claro, só pode deixar muita saudade.
(Atílio e Gregório, que parceria; só arte muito boa saiu daquela dupla!)

João Menéres disse...

Uma caixa de Pandora o Colégio de Cataguases !

Jorge Pinheiro disse...

O passado cada vez se apodera mais de nós.

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )