6.1.16

Crônica diária

A leveza do ser

Alguns antigos e atentos leitores podem pensar que estou sofrendo o mal do alemão. A repetição desta história é proposital. Quando a contei, minha amiga Guaracy Mirgalowska, não lia minhas crônicas. Foi na casa dela que conheci o químico Callia, filho do maestro e meu professor de música no Dante Alighieri. O Callia naquela ocasião definiu o material "isopor", recém chegado ao Brasil, como sendo "um aglomerado de células de peso inverossímil". Nunca me esqueci. Há cinco dias atrás nasceu o Luiz, irmãozinho da Lara, nossa neta. Ela esta pesando dez quilos. Carrega-la de lá para cá durante o dia, que passa com os avós, corresponde a um mês de academia. Academia essa que tenho deixado de frequentar por conta da desculpa das atividades natalinas e de fim de ano. Hoje voltarei aos vinte minutos de caminhada na esteira e quarenta de exercícios com peso. E peso inverossímil é o do Luiz. Nasceu com três quilos e duzentas gramas. Ao carrega-lo a sensação era de estar com um leve cobertorzinho sobre os braços. Lembrar da frase do Callia foi inevitável. 

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )