5.9.15

Crônica diária



Uma parte resolvida

Sem a ajuda do delegado Dornelas, da cidade de Palmyra, ou dos detetives Maigret ou Sherlock Holmes, a primeira parte do "affair livro de arte português extraviado" esta resolvida. Liguei para o escritório dos restaurantes Jam Japanese Food Arts Music, e fui muito bem atendido. Com todas as precauções que o "caso" requeria, em menos de seis horas recebi o retorno com a boa notícia. O livro foi localizado, só que tiveram que romper a embalagem "plástico bolha" para identificarem o conteúdo. Essa parte já foi por conta das precauções que rondam restaurantes japoneses, na literatura e no cinema. O que havia ocorrido? Nada absolutamente. Eliana, caixa do restaurante, que informou na primeira noite não haver livro nenhum, estava de férias há 45 dias atrás quando o correio entregou. Na sua volta notou vários pacotes e documentos num determinado armário do minúsculo cubículo em que trabalha. Na noite em que estive perguntando pela encomenda, casa cheia, ela não se lembrou. Pelo menos foi isso o que ela disse. E para justificar ter aberto a encomenda, alegou que não havia etiqueta. Brincadeira! Os correios entregaram um pacote despachado de Portugal sem etiqueta. Conta outra, Eliana... Fui perdendo o bom humor, peguei o livro, um envelope pardo, e me despedi. A primeira parte estava resolvida. Resta saber como um hacker enviou do Brasil, um e-mail malicioso, para o remetente do livro? Esse detalhe jamais saberemos.

2 comentários:

João Menéres disse...

Hacker ou amigo da onça ?

Agora, o que interessa é o Eduardo já ter recebido esse tal livro !

Imagino o desespero e a ansiedade que se apossaram de si...

Li Ferreira Nhan disse...

Que ótima notícia!!!
Minha xará, a caixa, parece ter memória curta, seletiva e conveniente; muito conveniente!
Já o email virulento deve ser alguém que invadiu o email ou o computador do remetente. Isso é
preocupante!
O bom de tudo isso é que o livro agora possui mais
essa história!

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )