15.8.15

Crônica diária

Idiossincrasia

Etimologicamente, idiossincrasia surgiu do grego idiosugkrasía, que significa “temperamento particular”. Toda vez que mudo de secretária, porque se aposentam, e na média depois de 10 a 15 anos de trabalharem comigo, enfrento alguma dificuldade para faze-las entender que tenho "um temperamento particular". Peço para esquecerem o que aprenderam até hoje, e façam as coisas do meu jeito. Muitas se rebelam. Não aceitam. E perdem o emprego. A culpa é da minha idiossincrasia. Querem um exemplo? Não assino sobre um traço, sobre uma linha. Nas cartas ou requerimentos onde no final se deve colocar o nome do autor, as secretárias costumam colocar um traço, uma linha sobre o nome para que ali se assine. Não assino com esse traço ou linha. Por que? Porque esse traço ou linha é completamente desnecessário. É um problema estético. Polui o texto e apresentação da carta ou requerimento. Sei assinar meu nome sem uma linha horizontal para manter a assinatura em nível. É um penduricalho, um excesso. Mas confesso que, também, é uma idiossincrasia, próprio de um temperamento particular.

2 comentários:

Jorge Pinheiro disse...

Como a minha assinatura é na vertical, e bastante ampla, quase nunca consigo acertar com o espaço destinado a assinar nos documentos públicos (tipo Bilhete de Identidade, Carta de condução, Passaporte...) que estão feitos para quem assina na horizontal. Pior que uma idiossincrasia é impossibilidade.

João Menéres disse...

Só se for em papel selado, mas esse já teve a sua vivência.

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )