26.6.15

Crônica diária



Herzog -Saul Bellow

Fazer uma resenha do livro Herzo, de Saul Bellow, em dez linhas, não é tarefa fácil. Canadense nascido em 1915 e radicado nos Estados Unidos, onde se tornou um dos maiores escritores do século XX, teve no romance Herzog o ponto alto da sua obra. Escritor de rara habilidade literária, conseguia numa escrita fácil, mas não por isso, menos profunda, ir ao cerne de seus personagens, e dos problemas da sua época. Os judeus, o amor, o casamento, a família, a amizade, a traição, as angustias, os temores dentro da sociedade norte americana, foram suas matérias primas nesse romance. E o fez de forma brilhante, acurada, e definitiva. Nada lhe escapou, nenhum detalhe. A edição de 2011 da Companhia das Letras trás uma introdução do não menos festejado escritor Philip Roth , que faz um resumo da importância de Bellow para a literatura e nos adianta, didaticamente, ferramentas para compreendermos melhor os personagens e a trama do romance. Recomendo fortemente esse livro e se possível essa edição. (Comprei o meu exemplar, completamente novo,  no sebo Estante Virtual).

Nenhum comentário:

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )