25.5.15

Dalton Trevisan

Considerado por muitos intelectuais como o mais importante escritor vivo brasileiro. Rei da síntese. Grande escritor de textos curtos. Curtíssimos. Resolvi fazer a resenha do seu livro "O beijo na nuca" transcrevendo algumas frases do livro. Ninguém melhor do que o próprio para falar sobre sua obra. (Aqui vai, também, uma brincadeira com o escritor que não dá entrevista, não fala sobre sua obra, nem deixa se fotografar).
"...amores pagos sobre colchas vermelhas."
Sobre viagens marítimas: "O mais divertido não é partida nem volta_ é ter de contar."
"Como  atendê-la quando na sua torre doña Inês pinta de azul da china as unhas do pé?"
Diz, em outras palavras, que um texto deve ter o número correto delas, nenhuma supérflua, todas na medida e pesadas. Assim como um pássaro tem o número certo de penas."
" Ah, é? Saco do 38 e  atiro no peito da palavra fugidia".
Noite: "As mulheres são mais queridas a essa hora. O rosto iluminado pelo farol dos carros é promessa de delícias".

Digo eu: a maioria dos seus mini contos passam-se em Curitiba, e alguns outros são registros de viagem à Europa. Fala do mar como velho marinheiro, e sua zona preferida é a portuária. Mesmo em Curitiba.

Nenhum comentário:

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )