23.3.15

Crônica diária



Um homem morto a ponta pés

Pablo Palacio, nascido no Equador em 1906 é o autor desta novela que dá nome ao livro. Para acalmar o ânimo crítico dos meus leitores Casssio Penteado, e Aloísio de Almeida Prado, vou logo dizendo que não irei recomendar. O Pablo viveu 41 anos, e os últimos dez, passou internado num hospício de Guayaquil. Sua produção literária composta de contos e novelas, foi precoce. Era um inovador, sem nenhuma dúvida. Não sei se não gostei por conta da tradução de Jorge Wolff, que usa palavras e termos que tiram completamente o prazer da leitura. Talvez na língua original, e levando-se em conta que publicou em 1927, com 21 anos de idade, não podemos negar seus méritos. Mas fico por aqui.

Nenhum comentário:

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )