3.2.15

Crônica diária

Coisas do destino

Aos vinte anos a gente acredita que o destino nos reserva coisas brilhantes. Aos setenta se constata que o tempo passou mais rápido do que prevíamos, e que o destino não foi tão generoso.

4 comentários:

João Menéres disse...

Se 50 anos provocam essa reflexão, imagine como é 60 anos depois.

Li Ferreira Nhan disse...

Nao penseoi muito no tempo entre uma idade e outra e nem esperei nada brilhantr. Destino; achozqué nao existe. Ou exidste.

Jorge Pinheiro disse...

Li: que grande confusão. Mais um novo acordo ortográfico?!

Li Ferreira Nhan disse...

Rsrsr so rindo
Jorge estuou com a mso direts imobili zads por covnta de um acidenþte domsticio. Desde dcrovar os dentes ate cosas menos nobreßs ta um caos.
.

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )