29.1.15

Crônica diária

Acabaram os bons modos e gentilezas

O assunto que trato hoje não cabe no espaço a que me imponho usar. São muitas as causas e consequências do desmantelamento familiar em nosso século. Por desmantelamento entenda-se os divórcios, separações, e novos casamentos. Eu mesmo faço parte dessa estatística. Mas meus pais foram casados a vida toda, e minha mãe foi responsável pela educação dos cinco filhos. Naquele tempo era assim. Os pais davam exemplos morais, e as famílias tinham educação dentro de casa. Com a desestruturação familiar, a emancipação da mulher, e afrouxamento dos costumes, as crianças deixaram de ter essa educação a que me refiro. Pai e mãe trabalham fora durante o dia, e a educação ficou  só por conta das escolas. Estas perderam qualidade e conteúdo ao longo do tempo. Resultado: temos uma sociedade muito mal educada. Percebe-se à mesa, no trânsito, e nas relações do dia a dia. As mulheres já não merecem nenhuma prioridade, pois exigiram igualdades. Os idosos já não são tratados com as deferências de antigamente. No trânsito se percebe a falta de educação dos motoristas que se comportam agressiva e prepotentemente. Não há mais gentilezas.

6 comentários:

João Menéres disse...

Todos os casos que aponta são verdadeiros.
Mas, no trânsito, é gritante a falta de civismo.

Jorge Pinheiro disse...

João: especialmente no Porto, onde detesto guiar.

Jorge Pinheiro disse...

Quanto ao fundo da questão. Está por provar essa relação entre "má educação" e emancipação da mulher. O que acontece é que a sociedade se soltou. Dantes estava amarrada em preconceitos. Agora tem preconceitos a menos. As sociedades de hoje são feministas. Falta voltarem a ser matriarcais. Aí, vai ser um descanso.

João Menéres disse...

JORGE

E nesse aspecto nota-se alguma melhoria...

Quem não conhece o Porto, pode ver-se aflito, acredito.

Li Ferreira Nhan disse...

Edu, nunca apanhei e bastava um olhar do meu pai; eu entendia tudo. Havia medo e tb muito respeito.Porém vi muitas crianças da minha idade que não estavam nem aí com a educação. Sou vizinha de uma escola infantil, particular. Algumas vezes, na entrada ou na saída,  assisto algum "show" dos pirralhos. Morro de "vergonha alheia"; chutes, pontapés e xingamentos aos pais/avós/babás/motoristas. Nessas ocasiões, depois que os "anjinhos" vão embora, o  porteiro,  com sua pouca instrução mas com sabedoria dos anos, me diz em tom profético: "mais uma criança-richitófi; essa vai ser capaz de matar pai e mãe!" Demorou para que eu entendesse o novo termo,  "criança -Richthofen "! Hoje em dia quando assisto algum show da molecada, o porteiro só dá uma olhada em minha direção e eu já sei, mais uma ...  Seu  Zé sabe das coisas; no futuro um monte de Richthofens.

Silvares disse...

Entre os casos que aponta o que me incomoda mais é o desprezo pelos mais velhos. Os putos respeitam mais o Google do que o avô. Os heróis deixaram de ser positivos e não vestem mais um fatinho branco. Agora são sombrios e comem as entranhas dos inimigos.

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )