18.1.15

Crônica diária



Começo de angu é mingau

Estou no meio da leitura do livro do Roberto Pompeu de Toledo: "A capital da solidão - Uma história de São Paulo das origens a 1900". Ganhei o livro do amigo escritor Aloísio de Almeida Prado que o recomendou muito. Para quem já leu a história da fundação de Londres, apesar de seus 1510 anos que as separam, há muita coisa parecida. A qualidade intelectual e moral dos jesuítas, contrastando com a brutalidade dos toscos bandeirantes e caçadores de índios, conviveram com as espertezas, os crimes, os sonhos, as traições, desde os primeiros dias da pobre vila que deu lugar à metrópole de São Paulo. Muita coisa mudou desde sua fundação, outras porém, permanecem vivas como se o tempo não pudesse modificar a alma humana. Um dos primeiros editais da Câmara, buscava comprar um baú para servir de lugar seguro para guardar os votos dos seus membros. Ganhou um determinado morador da vila. Entregue o baú constatou-se não ter fechadura e chave. O ganhador da licitação se defendeu dizendo que havia retirado, porque o edital só propunha a compra de um baú. A Câmara tentou encontrar uma fechadura para o móvel. Não encontrando foi obrigada a pagar pela velha fechadura, o mesmo valor que havia pago pelo baú. Isso me faz lembrar as atuais licitações, cateis, e roubalheiras tão peculiares na Câmara e em todos os órgãos públicos de São Paulo e do Brasil. Não há operação Lava Jato que resolva. Esta no DNA do nosso povo. Mas como temos 1510 anos de atraso com relação à Londres, resta esperanças.

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )