17.1.15

Crônica diária



Algumas considerações politicamente incorretas

 Muçulmano é todo o indivíduo que adere ao Islão, uma religião monoteísta centrada na vida e nos ensinamentos de Maomé, e que recebeu revelações do Arcanjo Gabriel. Além disso, os muçulmanos também dão ênfase aos dogmas da oração, jejum no mês de Ramadã, peregrinação em Meca e o estudo do Alcorão.
 Suas diferenças com os judeus são insuperáveis.
 Terrorista, sejam islâmicos ou não, não possuem humor. Não compreendem o humor. Maomé não permite brincadeiras. Pessoas envoltas em panos pretos da cabeça aos pés, algumas sem mostrar o próprio rosto, que seguem uma religião cujo supremo chefe não permite que seja retratado,  não podem conviver com pessoas  no ocidente, onde o selfie é moda. Parodiando o primeiro ministro israelita que disse: "o lugar de judeus é em Israel", eu digo: de radicais islâmicos, é em seus países de origem. Argélia, ou de onde vieram seus ancestrais. A sociedade, dita civilizada, não tem condições de conviver com  toscos islamitas. A recíproca é verdadeira. O homem saiu das cavernas e ganhou o espaço sideral pisando na Lua e em vias de chegar a Marte. Ainda tem gente no fim da fila com um pé na caverna outro na trilha. Não há como se compreenderem mutuamente. E para completar estes loucos e delirantes pensamentos, ouso dizer que as religiões já tiveram suas importâncias sociais e econômicas. Nos dias presentes elas mais contribuem para as guerras e desentendimentos do que para a paz e progresso. O que em nome do cristianismo se fez em 1600 aqui no Brasil, não o autoriza recriminar as outras religiões mundo a fora. O único caminho é Charlie.

3 comentários:

Silvares disse...

Caro Eduardo, você está se tornando um perigoso humorista radical!
:-)

João Menéres disse...

Acho que já é, Rui !...
LOL

Jorge Pinheiro disse...

Pois... ainda bem que no Brasil o trabalho foi bem feito e não sobraram radicais.

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )