2.4.09

OS TRÊS MÚSICOS



Pintura – Os Três Músicos (1921)
Pablo Diego José Francisco de Paula Juan Nepomuceno María de los Remedios Cipriano de la Santísima Trinidad Ruiz y Picasso. Com esse nome, só podia dar no que deu: viveu 92 anos muito bem vividos, amou lindas mulheres, e transformou para sempre o mundo das Artes. Picasso é uma das mais conhecidas figuras do século XX e seu nome transformou-se em sinônimo da arte moderna. Criou milhares de trabalhos: quadros, cerâmicas, esculturas, gravuras, desenhos, objetos de arte. Estudou muito os clássicos e podia pintar como eles, para poder chegar ao ideal, segundo ele: pintar como criança, pintar pelo simples prazer de se expressar, sem se preocupar com o que iriam pensar...
Nascido em Málaga em 25 de outubro de 1881, o magistral artista espanhol faleceu em Mougins, no sul da França, em 8 de abril de 1973. Com Braque, é o principal criador do Cubismo. Recuso-me a falar de Picasso assim, en passant. Ele merece uma semana mais comprida que seu lindo nome.
Os personagens da Commedia del’Arte, Pierrô, Arlequim e Colombina, inspiraram vários artistas e Picasso não se livrou do fascínio. A obra que hoje mostramos foi batizada pelo autor de “Os Três Músicos”. Picasso criou duas composições com o mesmo título e o mesmo tema. Ambas são colagens e óleo sobre tela. São do mesmo ano, 1921. Nas duas vemos Arlequim, Pierrô e um monge, que quase todos os contemporâneos acreditavam ser representações de três grandes amigos: o próprio pintor, Picasso, e os poetas Guillaume Appollinaire e Max Jacob. Appollinaire morreu vítima da Gripe Espanhola que assolou o mundo em 1918; Max Jacob, em 1921, entrou para um monastério.
O exemplar aqui mostrado está no Museu de Arte Moderna de Nova York. O outro está no Museu de Arte da Philadelphia.
Acervo Museu de Arte Moderna, NY – MOMA
Fontes: www.moma.org/
www.en.wikipedia.org/
Noblat

2 comentários:

Ariane Rodrigues disse...

Tô adorando a série sobre Arte Plástica. Essa tela dele me remete aos seus magníficos violinos. Ahh, se pudéssemos tocar a vida assim, tudo num mesmo plano!
Abraço!

Maria Augusta disse...

Esta é uma das obras de Picasso que eu acho mais bonitas, talvre por envolver estes personagens que fazem parte de nossa imaginação...

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )