31.1.08

Concluindo postagem de 29 de Abril de 2007

QUEM SABE COM QUANTOS PAUS SE FAZ UMA CANOA?


Neste caso, com um troco só de madeira.

Em pleno século 21 aqui em IBIRAQUERA, Santa Catarina, ainda se faz uma canoa como os índios, primeiros habitantes da terra. Isso há 507 anos da descoberta. Um único toro é lavrada à machado e formão.
A canoa pronta será usada na LAGOA para a pesca de camarão. Em pouco tempo a madeira bruta vira uma canoa. Esta região é uma das maiores
produtoras de camarão do estado.
ESSA FOI A POSTAGEM DE 29 de Abril de 2007.

PASSADOS NOVE MESES, fotografamos o estágio atual da construção da canoa!


Dia 27 de Janeiro, portanto 9 meses depois aquele tronco de madeira
é esta canoa, praticamente, pronta!

VARAL DO DIA


Caro Eduardo,

Aqui lhe mando um contributo para o seu Varal de Ideias, um blog que amei.
É uma fotografia de Alfama (bairro popular de Lisboa) e a quadra popular mais deliciosa que conheço:

Ó sua descaradona
tire a roupa da janela,
que essa camisa sem dona
lembra-me a dona sem ela!

Espero que goste.
Abraço
Ana

Ana Vidal
B&G- DCI
Departamento de Comunicação e Imagem
Rua de S. João lote 172645-303 AlcoitãoTel: 21 460 4410Fax: 21 460 4419
Telem: 91 421 60 36
anavidal@bgeventos.com
bg@netcabo.pt http://www.bgeventos.com/

Tamanho original da imagem, com baixa resolução, infelizmente!
Ana, já te disse por e-mail, e faço de público, um VARAL
digno de todos os PRÊMIOS.Muito obrigado.

DUAS PALAVRAS no Varal


PRELUDE TO INCEST BETWEEN MONOZYGOTE TWINS

Photograph, cm 147,3 X 125 - Inch 58 X 49 - 2003

Andava eu em pachorrento passeio pela net em busca de imagens de Bosch quando fui parar a este sítio http://www.alessandrobavari.com/ e dar de caras com esta personagem que desconhecia em absoluto.Um artista com diferentes meios de expressão plástica à mão de semear e que semeia ventos terríveis e lhes vai colhendo tempestades. As fotografias (!!!???) são, talvez, o que de mais curioso se nos oferece observar, se bem que uma visita a todas e cada uma das capelinhas deste sítio tenha sempre algo de interessante reservado ao olhar do incauto internauta.Fica a sugestão: visita a fazer com alguma disponibilidade de tempo e mente aberta.
Publicada por Silvares

1 Comentário
Fechar esta janela Ir para o formulário de comentários

Eduardo P.L. disse...
Parabéns pelo seu blog. Vou linkar no meu Varal, para voltar mais a miúde, e com tempo.
Gostei do que vi e li.
Abçs

Esse foi meu comentário a este post e o primeiro no 100cabeças que passei a visitar diáriamente. Quem diria!

ESCULTURAS em METAL

Shit We're Diggin': The Metal Sculpture of Frank Plant






You can learn about Frank's work here.
Posted by marc at in Sculpture Recommend this!

VARAL CITA

MAR NA AREIA, É COMO BANHO EM MULHER, APÓS O SEXO. LAVOU ESTA NOVA!
Foto: E.P.L.

HUMOR NO VARAL

30.1.08

TULUOLGRAFIA

Série TULUOLGRAFIA + Carvão, S/título - 30X21cm.

VARAL DO DIA

VARAL RETRO , enviado por Vitória Meirelles

ERIC FISCHL e o "MENINO MAU"

"O menino mau" (1981) é uma das obras mais importantes e polêmicas do pintor norte-americano Eric Fischl. A cena é tabu, obscena e perversa. Fischl transpõe em suas telas o eterno jogo da transgressão, na arte como na vida. Voyeurismo e o pecado sexual invadem este quadro - o rapaz vê a mulher e o observador assiste a tudo.
A mulher, madura e nua, permanece na cama, indiferente ao tempo e à pressa. Não parece haver culpa da parte dela. Por sua vez, o rapaz vestiu-se apressado e está pronto para sair. Pela pressa da vestimenta, transparece alguma culpa no rapaz, a qual, contudo, o não demove do roubo da carteira de sua amante.
Com esta obra, Fischl foi de encontro ao puritanismo americano. Como sempre e antes da consagração, o pintor foi repudiado e declarado maldito. Hoje faz parte de qualquer coletânea de pintura moderna.
Conheça um pouco mais do trabalho de Eric Fischl aqui

Noblat

e-mail no VARAL





Varal/ais

Bjs
Up-date- O fantástico FOTÓGRAFO de FOTOJORNALISMO BENJAMIN KRAIN cujo site DEVE ser visitado:http://www.benjaminkrain.com/

Vi Leardi.
*****************************************************



Nota de FALECIMENTO: dia 29 de Janeiro de 2008 falaceu o artista plástico:


Rubens Gerchman


Rubens Gerchman
Gerchman estava muito cansado
lutando contra uma doença ha muito tempo.......
descansou
e nós ficamos sem ele.
muita tristeza
muita saudade deixou


Anapana

O VARAL se solidariza e da os pesames aos familiares do GERCHMAN
e lamenta muito a perda!
********************************************************

Quero agradecer aos meus queridos amigos... Maria Augusta do...Le Jardin Ephemére por me repassar o mimo Blog Amigo criado por Luis Santilli do Boa Leitura...e ao Eduardo do Varal De Idéias que sempre me incentiva e ajuda por me mandar estes dois outros mimos, o de Alto Astral, criado por Jugioli e Santilli em parceria e, o de Um Blog Muito Bom...Quanto aos meus indicados não consigo ainda diversificar ...assim sendo os mando a todos que me visitam e deixam seu queridos comentários...


Beijo à todos

Vi Leardi

RETRATISTA: Yousuf Karsh

Winston Churchill" (1941 ) é a imagem que deu notoriedade ao trabalho do fotógrafo retratista Yousuf Karsh. Esta imagem tornou-se símbolo da postura estadista de Churchill e da sua vontade de combater e vencer, numa época em que os ingleses sofriam com os bombardeamentos alemães.
Picasso, Einstein, Hemmingway, Bogart, Miró, Eisenhower são apenas alguns dos ilustres retratados de uma enorme galeria onde não faltam sequer a rainha Isabel II da Inglaterra ou o Papa. E é tão espantosa a quantidade como a qualidade. Karsh possuía uma sensibilidade enorme e sabia como captar a essência do retratado quer recorrendo à pose, ao ponto de vista ou à incidência da luz.
Conheça um pouco mais o trabalho de Yousuf Karsh aqui

Noblat

Duas palavras no VARAL 30


A "A"rte não presta para nada (nem sequer para alguma coisa)

A Arte, assim escrita com "A" grande e pomposo, é coisa que não faz sentido. O "A" afasta a coisa da gente. Faz do Artista um gajo estranho quando podia ser mais simplesmente um artista, com um "a" destes. Sempre que um simples "a"rtista se arvora em "A"rtista, temos o caldo entornado e entramos num caminho sinuoso que leva frequentemente a becos sem saída nem horizontes. É como se enfiássemos a cabeça num saco de plástico opaco que serviu para transportar um quilo de sardinhas. Cheira mal e vê-se pouca coisa. O "A"rtista é um produto da sociedade de consumo, um excedente da vacuidade gerada pela perspectiva do lucro fácil e desmedido. Nem Picasso escapou (ele que foi um dos maiores "a"rtistas de todos os tempos acabou a brincar aos "A"rtistas). Salvador Dali, por exemplo, foi um miserável "A"rtista. Em oposição, e para clarificar o que quero dizer com esta patranha toda, Van Gogh foi o maior dos "a"rtistas. Está claro? Talvez esteja, o que é que isto interessa afinal?
Na minha óptica pessoal e particular interessa se quisermos clarificar o que é um artista, simplesmente, sem "A" nem "a" a rotular as personagens e, mais interessante (talvez mesmo mais importante), se quisermos clarificar o seu papel no teatro social. Um artista deve reflectir sobre o mundo que o rodeia na tentativa de influenciar uma mudança de perspectiva nos espectadores que contactarem a sua arte. O artista não se limita a lamber o umbigo, isso é coisa de "A"rtista.
Eu sei que isto soa a coisa do passado. Soa a realismo oitocentista, artistas engajados, utopias socialistas, operários miseráveis e capitalistas barrigudos de cartola e havano ao canto da boca. Sei que isto soa a coisa gasta, moralismo barato e barba por fazer de propósito para parecer um gajo de esquerda. Pois soa. Pois é. E depois?
http://12-efe.blogspot.com/search/label/Realismo

HUMOR NO VARAL

29.1.08

REPRISE - Pedras a óleo.

Postado em Novembro de 2007- Série Pedras- 2002 - Óleo sobre tela - 20X20cm -

VARAL DO DIA

Após a chuvarada, de verão. 2008. E.P.L

UMA FEMINISTA NUA

Simone agita
Simone de Beauvoir, Chicago, 1952(© Art Shay)
Ooh la-la! Tem dado que falar em França a fotografia que o Nouvel Observateur estampou na primeira capa de 2008 por ocasião do centenário de Simone de Beauvoir. A escolha do Nouvel Obs recaiu sobre uma imagem captada por Art Shay (seu amante) que mostra a pensadora feminista nua, de costas e a arranjar o cabelo ao espelho de uma casa de banho.
É Simone de Beauvoir, a escandalosa, diz a chamada de primeira.
Mal o rabo de Simone saltou para as bancas houve troca de galhardetes entre editorialistas e excitação total da blogosfera francesa.
E não só: duas associações feministas (Choisir la Cause des Femmes - que foi fundada e presidida por Beauvoir - e Les Chiennes de Garde) manifestaram-se em frente à sede do Nouvel Obs exigindo um pedido de desculpas do director, Jean Daniel. O protesto condenou a utilização da nudez da escritora e pediu o mesmo tratamento para homens filósofos:
“Queremos ver as nádegas de Sartre (...)!”.
Diz ao Le Monde a Choisir la Cause des Femmes, que “cette photo, volée à son intimité, n'illustre en rien les écrits, la philosophie, le féminisme et la personnalité de Simone de Beauvoir. Elle choque à cet égard et démontre la volonté d'instrumentaliser à des fins purement commerciales le corps des femmes contrairement aux photos consacrées aux personnalités masculines”.
Para além da polémica em torno da oportunidade da publicação desta fotografia discutem-se também os retoques digitais que foram dados à imagem.
Escreveu Daniel Schneidermann no Libération: “Et pour la fête, la photo a même été retouchée. Maquillé, le cul de Beauvoir, pour lui faire perdre quelques kilos, quelques bourrelets, et le rajeunir de dix ans. Sortie du cadre, la cuvette des toilettes de la salle de bains. Estompés, le décor de salle de bains, le rouleau de papier toilette.(...) On n’a pas le droit de faire n’importe quoi avec une photo, simplement pour contenter voyeurs et rieurs”.
O dossier do Nouvel Obs sobre o centenário de Simone Beauvoir está aqui.
O texto completo de Daniel Schneidermann está aqui.
Para ver uma galeria de fotografias de Art Shay clique aqui.

Fonte: ARTE Photographica*

Do blog ARTES DO BLAUTH

e-mail no VARAL

Eduardo,

estou enviando para os amigos da blogsfera, um sêlo "blog altoastral", invenção conjunta do "Boa Leitura" e do "... só poesias..."para os espaços de idéias, de comunicação, propícios aos debates, àdiscussão, a encontros e reflexões, laboratórios de escritas-imagens,onde compartilhamos "bom-astral".

ops: encaminhe aos seus preferidos.

bjs.

Ju gioli

Mais um?

Vindo de você, é uma ORDEM!
Já mandei sete e-mails para sete blogs BOM-ASTRAL. Quem não recebeu meu e-mail trate de melhoras o ASTRAL para os próximos prêmios!!!!
************************************************************************************


Clique para ler melhor
galera,
,estou participando desse bazar que é muuuuito legal, vale a pena ir!como nessa coleçao nao fiz nenhum bazar próprio vale a pena ir lá, as peças estao beeem baratinhas.

bejos
renata ( RENATA ALMEIDA, para quem não sabe: filha da Paulinha)

*****************************************
O gosto é meu, Eduardo. Como é que o Varal me passou ao lado este tempo todo? O seu blog é muito bom, e muito informativo sobre arte, vou estar atenta.
Tenho grande carinho pelo Brasil e muitos amigos brasileiros. Inclusive, vou lançar um livro aí ainda este ano.
Quanto à imagem, gostava de enviar-lha em alta resolução como vc me pede, mas só tenho assim. A fotografia não é minha, nem sei quem é o autor. Suponho que aguenta um pouco de ampliação, mas não muita.

Um abraço
Ana

-------Mensagem original-------

De: Eduardo
Data: 25-01-2008 18:05:08
Para: Ana Vidal
Assunto: Re: contributo para o varal

Ana,

agradeço muito, esta foto do lindo Varal de Alfama.
Será postado, e pela qualidade da imagem, forte concorrente ao MELHOR VARAL DO ANO 2008.
Uma pena que tenha vindo com baixa resolução, não podendo ser ampliada como gostaria. Mesmo assim será postada!

Muito obrigado pela visita e comentário.

Abçs

Eduardo,

----- Original Message -----
From: Ana Vidal
To: cimitan@terra.com.br
Sent: Friday, January 25, 2008 3:12 PM
Subject: contributo para o varal

Caro Eduardo,

Aqui lhe mando um contributo para o seu Varal de Ideias, um blog que amei.
É uma fotografia de Alfama (bairro popular de Lisboa) e a quadra popular mais deliciosa que conheço:



Ó sua descaradona
tire a roupa da janela,
que essa camisa sem dona
lembra-me a dona sem ela!

Espero que goste.

Abraço
Ana

Ana Vidal
B&G- DCI
Departamento de Comunicação e Imagem

Rua de S. João lote 172645-303 AlcoitãoTel: 21 460 4410Fax: 21 460 4419
Telem: 91 421 60 36
anavidal@bgeventos.com
bg@netcabo.pt http://www.bgeventos.com/

Duas palavras no VARAL


Notas
O "Retrato de um Homem", de Antonello de Messina, é de uma perfeição técnica tão grande que é quase impossível acreditar naquilo que nos entra pelos olhos. A cobertura uniforme da superfície, o brilho incomparável das tintas e das cores, absolutamente excepcional!
O que importa é o significado. A técnica que usamos não é mais do que uma dificuldade, um empecilho a ultrapassar. Uma vez dominada, a técnica transforma-se num meio de transporte que nos leva em velocidade de cruzeiro por uma auto-estrada de seis vias ou mais. Sempre a abrir! Mas, para que a viagem não se torne enfadonha, teremos de ter algo a dizer. Pessoalmente não acredito na abstracção pictórica enquanto forma de acção interventiva. Por vezes não consigo evitar pensar que a abstracção em pintura é uma espécie de masturbação com uma multidão de amantes potenciais que asssitem ao acto. Uns mais interessados, outros nem por isso. A pintura pode ser muita coisa muito diferente mas, se tivermos algo para dizer, dizemos. Se não temos nada para mostrar além do nosso umbigo, então basta levantar a camisa.
Apontamento perante a pintura que ilustra este post, na National Gallery de Londres em Agosto de 2006

HUMOR NO VARAL

Internet

28.1.08

Da série : "ACHADOS NA PRAIA"


Já fazia um tempo que não encontrava nada de útil na praia. Sexta-feira passada
a menos de 20 metros um do outro, achei um pedaço de brinquedo de plástico,
com muitas algas ( tempo de mar), e um toquinho de madeira com fórmica preta!
Pronto: Base e escultura. 15X6,5X10cm.
ACHADOS NA PRAIA. ( Foram fixados um ao outro, por dois toquinhos de lápis,
intoduzidos em dois furos, que fiz na madeira, e dois orifícios que o brinquedo já tinha!)

VARAL DO DIA

O VARAL DO DIA passará a selecionar a MELHOR do MÊS, todos os meses, e as 12 imagens concorrerão ao MELHOR VARAL DO ANO 2008.

Das cinco MELHORES ( por número de comentários) de cada mês, será por VOTAÇÃO escolhida a MELHOR DO MÊS.

Comentem nos VARAL DO DIA que gostarem, para que ele entre nas cinco do mês!.

Nos enviou Vitória Meirelles

VARAL CITA

Com esse título, o Varal inaugurou em 5 de Dezembro de 2006 uma seção com citações!

Naqueles tempos, eram meia duzia de vizitas por dia, e não comentavam as CITAÇÕES.
Uma teve, anonimamente, um " AMEM".
Desisti de por citações, por absoluta falta de público.

Citar para que?

Mas acabo de reler um livrinho de Antonio Callado, publicado em 1978 sobre o pintor Candido Portinari, chamado RETRATO DE PORTINARI ( Paz e Terra).
Não tenho como não transcrever algumas partes deste texto de Callado que continuam muito atuais.

A ARTE COMO AMOR E REVERÊNCIA

Quando perdeu sua Fidelidade ao Visto o modernismo arquivou igualmente seu Respeito ao Belo. A arte moderna é também uma rebelião das massas.
Inauguram os artistas modernos uma nova ternura pela humanidade- fosse ela bela, como acontece que é às vezes, fosse ela retirante, flagelada, magra, desesperada. defeituosa. Aliás, mesmo na sua melancólica fase azul, Picasso já nos choca pelo mero fato de nos mostrar uma " femme à la taite" - uma mulher de cabeça envolta num chale, uma Madona, apenas com o olho direito coberto por uma catarata - e nos choca não com a intensão de nos chocar. Ele apenas afirma que todos os reinos pertencem à arte e que uma catarata jamais anulou a humanidade de um ser humano.
..............................
O artista deve colonizar mesmo os recantos mis lôbregos e ásperos da vida, anexar a si todos os territórios até tudo cobrir não com algum mantozinho diáfano da fantasia mas com o reverente amor do artista por tudo que existe.
................................

O Lulu e a Caninidade

Não à aí o manto do sr. Eça de Queiroz, não há aí o sorriso da sociedade do sr. Afrânio Peixoto, não há aí a saúde pela arte dos nazistas ou o realismo socialista dos comunistas.Isto é arte total, que não quer ser útil nem graciosa nem boazinha nem edificante, que pode ser tudo mas que se recusa ser exclusivamente seja lá o que for, e que, não é apêndice de nada. É uma atividade humanacompleta, uma das maneiras de pensar de que lança mão o homem, como diz Herbert Read. Em termos materialistas, diz ele, a arte tem sua dialética:" confronta uma tese, digamos a da razão, com sua antítise, digamos a da imaginação, e cria uma nova unidade ou sítese na qual as contradições se reconciliam". Como pode ser tudo, a arte também pode, sem dúvida, ser "art engagé", como um cão pode ser lulu e usar fita no pescoço. O que não se deve é erigir o lulu em padrão geral de caninidade.

Antonio Callado

Duas palavras no VARAL



Trânsitos...

"Mas há uma maneira de se conciliar com o trânsito.
Encorporá-lo numa paisagem mais ampla.
Para tanto, deve-se olhá-lo de longe.
Do alto de uma ponte, por exemplo.
De lá, pequena entre as linhas e as superfícies dos prédios,
uma avenida transforma-se num leito de rio.
No qual o fluxo de carros desliza, suave.
Apartir desse instante, curta as mudanças de luz."

Poema: Vincenzo Scarpellinni.[.....]

Vincenzo Scarpellini
publicava toda semana pela
Folha de S.Paulo,
desenhos acompanhados de textos
breves e poéticos, na
tentativa de descortinar a
cidade de São Paulo.
"Uma cidade invisível porque foge de si mesma",
como ele dizia.
Seus desenhos feitos com crayon e pastel,
sempre a partir de lugares ou pessoas visitadas pelo olhar
do artista; olhar sútil que enxergava a beleza desta
nossa cidade.

Fonte: Blog da Jugioli - ....Só Poesias e outros itens...

Achados na Internet

Sem maiores informações!

HUMOR NO VARAL

27.1.08

PASSEANDO PELAS ESCULTURAS da PIACABA


Esta peça de cimento+argila+vermiculita+corante pó xadrez, esteve sete anos no tempo, sem nenhum tipo de verniz ou impermeabilizante. Foi recolhida por apresentar algumas ações do tempo. Agora dentro de casa sua vida útil é enorme. Com a vantagem de ter adquirido uma pátina natural. ( Fruteira, com frutas tropicais- 2000 - )

Na postagem PASSEANDO PELOS JARDINS DA PIACABA de domingo próximo passado falamos do efeito do tempo: SOL, CHUVA e VENTO sobre o material das esculturas.
Moça reclinada. 2005. Com proteção de verniz impermiabilizante.
Estas, mais antigas, porém resguardadas do tempo, sem nenhuma proteção de verniz ou coisa parecida, resistem como se fossem novas.(Detalhe)
Com mais de seis anos, parecem recem feitas.( Detalhe)

Esta tem sete anos, e esta sem nenhuma marca desse tempo.(Detalhe)
Moça reclinada, sem nenhum tipo de proteção - 2002 -

2002 detalhe de moça reclinada, sem proteção. Base de marmore travertino.

AS POSTAGENS ANTERIORES ESTÃO NO ARQUIVO AÍ NO LADINHO >>>>>

.

Only select images that you have confirmed that you have the license to use.

Falaram do Varal:

"...o Varal de Ideias é uma referência de como um blog deve ser ." Agnnes

(Caminhos e Atalhos, no mundo dos blogs)

..."parabéns pelo teu exemplo de como realmente se faz um blog...ou melhor tantos e sempre outstandings...".
(Vi Leardi )

Leiam também:

Leiam também:
Click na imagem para conhecer

varal no twitter

Não vá perder sua hora....

Blog não é tudo, tudo é a falta do blog ....
( Peri S.C. adaptando uma frase do Millôr )
" BLOG É A MAIOR DAS VERTIGENS DA SUBJETIVIDADE " - Maria Elisa Guimarães, MEG ( Sub-rosa )